BLOG

03/11
2019

“Design de interiores é sentimento”

As percepções emocionais vêm desde muito cedo. Seja pelo choro, pelo sorriso ou por gestos simples que permitem nos diferenciar de cada pessoa de acordo com a sua bagagem emocional e sua história de vida. Mudar um objeto de lugar, mexer aqui e acolá já era característica de Gustavo desde a infância, já dizia sua mãe, no sertão da Paraíba na cidade de São José do Sabugi. Município de tons terrosos predominantes e uma vegetação exclusiva da caatinga, ele permitiu aguçar o seu processo criativo a partir da cultura sertaneja, dos traços, composições, cores e memórias do lugar onde nasceu. 

Gustavo de Castro Barreto Neto, que carrega o nome do avô como identidade e lembrança, partiu aos 17 anos para cursar arquitetura na cidade de Campina Grande. O despertar veio após ter cursado 7 períodos e partir para Design de Interiores, que era o seu objetivo: “O design vem com um apelo mais poético. Você pode proporcionar diversas sensações e sentimentos. Gosto de ambientes não óbvios e produção de cenários, design de interiores é sentimento. ” Nos conta Gustavo. Após travar várias lutas contra a sua timidez, ele está no 4º período de Design de Interiores a um passo de alcançar o diploma. Hoje com o título de Presidente de Turma ele tem o portfólio recheado de projetos, o que lhe rendeu um estágio em um escritório de arquitetura. 

No período sabático após a desistência de arquitetura, ele passou a produzir projetos hipotéticos afim de externar o que estava sentindo e projetar um ambiente para cada personalidade e sentimento. “Eu bebo muitas referências e acabo me debruçando demais e querendo unir um pouco de cada obra.” Léo Romano, Maurício Arruda, Sergio Matos e Jader Almeida são grandes nomes inspiradores. 

Em um dos trabalhos apresentados no projeto integrador, seguindo a metodologia PBL (Aprendizagem Baseada em Problemas - Problem Based Learning) aplicada pela instituição, ele uniu disciplinas como Projeto de Design de Interiores Comerciais, Gestão de Negócios, Light Design, entre outras, com o convite para pensar fora da caixinha e projetar um escritório, sem limites para ousar e abusar da criatividade. O “Coworking dos Criadores” surgiu com o propósito de unir e incentivar jovens artistas com inquietações independentes (Designers, fotógrafos, arquitetos etc). “Design, arte e Diversidade” é o retrato de um projeto de cores fortes, modernas e harmônicas, com composições simples e bem colocadas, refletindo um cenário com uma “iluminação feérica e dramática”. 

 

“Sentir, entender e projetar, tem que ser por amor.”

 Design vai da roupa que vestimos ao smartphone que usamos. Vai muito além de projetos criativos que proporcionam conforto, funcionalidade e estética. Entender um espaço e projetá-lo para criar experiências levando em consideração aspectos psicológicos é de suma importância para que o trabalho corresponda às expectativas. Hoje, aos 24 anos, Gustavo defende com propriedade aquilo que acredita, e a partir daí busca uma identidade visual concreta. Ele faz parte da turma pioneira de Design de Interiores, que deixará um legado para os colegas: A decoração do laboratório ficará por conta deles. 

Desde muito cedo, o apreço pela arte, poesia e sensibilidade o possibilitou a facilidade de criação. Aos 11 anos ganhou o seu primeiro computador, baixando o famoso jogo de simulação da vida real, The Sims, e dando atenção apenas para a criação de casas e decoração dos seus respectivos interiores, quando o real objetivo do jogo era a interação social. Vindo de uma cidade humilde no sertão paraibano, prevalece as suas raízes e enfatiza o seu amor pela terra e, doa a quem doer, sempre carregará as referências do berço. 

Tornar o design de interiores acessível ainda é um desafio, assim como a luta pelo reconhecimento e valorização da profissão, sendo pauta constante em todo cenário. “Com o tempo e com a vivência, eu precisava externar o que eu sentia. As pessoas não precisam concordar comigo, mas precisam me respeitar. ” Fala Gustavo. 

 

“Dar vida aos ambientes, transformar casa em lares.”

Princípios humanos refletem no potencial do profissional. Estimular o processo criativo através da sensibilidade é a chave do negócio. A sua chegada na Faculdade Rebouças lhe trouxe grandes experiências humanas, companheiras e relações que em outras palavras também pode ser chamada de lar. Ter pessoas que aplaudem suas conquistas e abraçam seus sonhos, faz parte do que ele se orgulha e destaca com carinho.

“Eu passei de um aluno avulso, só com pensamentos à um presidente de sala. Me senti encorajado! A abordagem humanizada da instituição atrelada ao direcionamento para o curso que eu desejava foi essencial. ” A Rebouças também teve um papel importante no auxílio da ansiedade e a timidez, com o apoio da Psicóloga e Diretora, Monick Farias e também de todas as relações afetivas criada durante este período.

O fruto dos seus trabalhos durante a graduação, foi a conquista do seu primeiro estágio na área em um escritório de arquitetura. Lá, será possível a união entre arquitetura e design de interiores, havendo assim a junção dos processos criativos dos profissionais envolvidos, trabalhando entre si, a multidisciplinaridade. 

"O estágio permite ao aluno aliar o conhecimento com a prática, aproximando-o com as situações reais que serão encontradas diariamente. O crescimento de Gustavo será exponencial, sabemos do compromisso que o mesmo tem com o que se dedica e temos a certeza do seu protagonismo diante dessa oportunidade". Thiego Brandão, coordenador e professor do curso de Design de Interiores. 

Ressignificar e dar novas perspectivas ao que sentimos, pensamos e fazemos faz parte de todo processo de amadurecimento. Ser excelente no que era bom, é um passo para o sucesso e para se tornar um profissional renomado fazendo o que ama com maestria. Gustavo também conta que está se desenvolvendo eticamente, abraçando um todo e vivendo a diversidade. Dar vida aos ambientes e transformar casas em lares é o seu lema.  



Abaixo você confere os projetos produzidos por Gustavo.

"Design, arte e diversidade"

Fotos

Copyright © 2017 - Todos os direitos reservados